Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/07/21 às 14h07 - Atualizado em 2/07/21 às 14h07

Samambaia recebe o projeto Esporte nas Ruas

Secretaria de Esporte e Lazer promoveu a entrega de 644 materiais esportivos nesta quinta-feira (1)

 

O programa Esporte nas Ruas chegou ao Centro Olímpico e Paralímpico de Samambaia, nesta quinta-feira (1), com a entrega de mais de 600 itens esportivos de várias modalidades para 22 entidades e instituições sem fins lucrativos atuantes na região. A ação da Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) já passou por oito locais, desde o início do ano, sendo disponibilizado mais de mil equipamentos.

 

Nesta oportunidade foram entregues bolas de society, salão e campo, coletes, apitos, redes para campos sintéticos, cones grandes, luvas de goleiro, cones pequenos, cordas, elásticos, escadas de treinamento, redes de futebol de salão e basquete, bolas e redes de vôlei, quimonos de jiu-jitsu e jogos de dominó e xadrez, somando o total de 644 itens de esporte distribuído por meio da Administração Regional.

 

Presente na cerimônia, a secretária de Esporte e Lazer, Giselle Ferreira, celebrou o sucesso da ação que contribui para a democratização do esporte em todo o Distrito Federal. “Assumimos essa gestão, em meio a pandemia, e precisamos levar a população que esporte é saúde, qualidade de vida, bem estar. A prática de atividade física adequada garante tudo isso e, com os materiais esportivos, vamos facilitar esse acesso”.

 

Fizeram parte da entrega o secretário Executivo de Futebol, Paulo Victor Barbosa de Carvalho; o subsecretário de Administração Geral, Clemilton Oliveira Rodrigues Júnior; o subsecretário dos Centros Olímpicos e Paralímpicos, Ziel Ferreira; o subsecretário de Projetos e Eventos de Modalidades Esportivas; Sidemeron Campos Silva; o chefe de gabinete da Administração Regional de Samambaia, Denílson da Costa; e a deputada federal Celina Leão.

 

Esporte nas Ruas em todo o DF

O projeto está democratizando a prática esportiva com a distribuição gratuita de equipamentos e materiais esportivos nas regiões administrativas e nas organizações sociais sem fins lucrativos. Desde o início do ano, a iniciativa que foi lançada no ano passado, passou por Ceilândia, Riacho Fundo, Santa Maria, Hospital de Base, Brazlândia, Recanto das Emas e Taguatinga.