Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/11/21 às 15h53 - Atualizado em 10/11/21 às 10h34

Brasília será sede da quarta edição da Taça das Favelas

Ao todo, 48 equipes participam do torneio que vale vaga para final no dia 18 de dezembro, no SESI de Taguatinga

 

 

Apita o árbitro! A bola vai rolar pela quarta edição da Taça das Favelas, campeonato de futebol de campo que reúne garotos e garotas de 15 a 29 anos, moradores de diferentes comunidades do Distrito Federal. O projeto, que ocorre em dezenas de capitais de todo o Brasil, tornou-se o maior campeonato de futebol de favelas do mundo. Os jogos serão disputados de 13 de novembro a 18 de dezembro, no Sesi de Taguatinga.

 

A parceria entre a Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) e a Central Única das Favelas (CUFA-DF) vai promover, por meio do futebol, cidadania, igualdade social e gerar oportunidades para novos talentos. Na disputa pelos títulos de suas respectivas categorias estão 48 times, sendo 16 são femininos e 32 masculinos.

 

Um congresso técnico realizado no Sesi de Taguatinga marcou o lançamento da competição na segunda-feira (8). Durante o evento, que contou com show musical de DJs  e demonstração de break dance, foi feita a apresentação do regulamento da competição, orientação sobre as regras e sorteio dos jogos da primeira fase do campeonato.

 

“Somos a capital dos grandes eventos esportivos e essa edição da Taça das Favelas vem para reafirmar o nosso compromisso de levar esporte de qualidade para todos. Além de promover o esporte de participação e inclusão, integrando os jovens de todas as comunidades do DF, o torneio é uma importante janela para revelar novos talentos”, destacou a secretária de Esporte e Lazer, Giselle Ferreira, que participou da cerimônia de lançamento.

 

O campeonato ocorre em duas fases, ambas de caráter eliminatório. A primeira conta com jogos de ida e volta, enquanto os embates da segunda fase serão disputados em partida única. Ao final, os times vencedores serão premiados e ficam classificados para participar futuramente no Campeonato Nacional Taça das Favelas, ainda sem data definida para realização.

 

FOTO: Cufa/DF

 

ASCOM/SEL