Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/10/20 às 12h13 - Atualizado em 2/10/20 às 12h26

Secretaria de Esporte e Lazer promove seminário virtual para capacitar organizações da sociedade civil

COMPARTILHAR

A Secretaria de Esporte e Lazer promoveu, nesta quinta-feira (1°), o 1° Seminário SEL/CONFAE (Conselho de Administração do Fundo de Apoio ao Esporte) de Capacitação das Organizações da Sociedade Civil (OSC) para captação de recursos e materiais, na plataforma do YouTube da pasta do Esporte. A iniciativa orientou entidades interessadas em participarem de chamamentos públicos e elaboração de projetos voltados a prática e administração esportiva e de lazer, contratação de serviços, obtenção de equipamentos esportivos.

 

A secretária de Esporte e Lazer, Celina Leão, fez abertura da iniciativa por meio de vídeo chamada, em que destacou a importância do evento para solucionar dúvidas e dificuldades de entidades interessadas em participarem de editais com investimento do Fundo de Apoio ao Esporte (FAE). “Por muitas vezes nas nossas caminhadas, a gente percebia a falta de apoio do governo em projetos e programas sociais que eram feitos por pessoas que dedicavam o seu tempo e amor, agora isso mudou. A Secretaria de Esporte está apoiando vocês”.

 

O conselheiro do CONFAE José Luiz Marques Barreto, representante da Secretaria de Economia mediou o seminário e esclareceu a dinâmica da programação. “Muito importante para fomentar e captar e que as instituições tenham recursos do estado para promoverem atividades esportivas no DF”. Sendo seguido pela conselheira Carla Ribeiro Testa, que contextualizou o funcionamento do Fundo de Apoio ao Esporte (FAE). “Vamos contribuir para transformar Brasília em uma referência no esporte e no lazer com ações integradas”.

 

Momento importante do encontro, o subsecretário de Administração Geral da Secretaria de Esporte e Lazer, Clemilton Oliveira, passou um panorama sobre critérios e requisitos para as associações participarem de editais que serão lançados em breve pela Secretaria de Esporte e Lazer. “Estamos ensinando o passo a passo de como as instituições presentes podem garantir investimento do fundo para desenvolverem suas atividades sociais esportivas”. Clemilton explicou como preencher a ficha de inscrição, apresentar a proposta e o plano de trabalho e, por fim, a prestação de contas.

 

Sobre o Certificado de Registro Cadastral (CRC) e outros requisitos, o conselheiro e vice-presidente do CONFAE, José Antônio Soares, mostrou como os responsáveis por instituições podem retirar o documento para conseguirem participar de chamamentos públicos. O painel seguinte abordou a celebração da parceria. “É muito importante que o plano de trabalho esteja bem fundamentado”, disse a gestora de políticas públicas e gestão governamental da Secretaria de Esporte e Lazer, Cinthia Nunes.

 

O analista de políticas públicas e gestão governamental da pasta do Esporte, Marcelo Borba finalizou a programação com o tema sobre o acompanhamento e prestação de contas. “Agora é permitido que a comunidade participe das políticas públicas, podem utilizar os recursos públicos para vocês mesmos executarem nas suas comunidades. É muito importante esse tipo de projeto e programa”. Por fim, a mesa foi aberta para perguntas dos participantes. Os inscritos ganharão certificados.

 

VEJA AQUI O SEMINÁRIO COMPLETO

 

POR BIANCA MOURA, DA ASSESSORIA DE IMPRENSA DA SECRETARIA DE ESPORTE E LAZER