Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/04/19 às 14h25 - Atualizado em 2/05/19 às 10h58

Resultados do Compete Brasília

COMPARTILHAR

Fim de semana de pódio para os atletas que viajaram, na última semana, por meio do Compete Brasília, programa da Secretaria de Esporte e Lazer, que incentiva a participação de atletas e paratletas em campeonatos nacionais e internacionais. Confira:

 

Karate

A delegação de Karate, chefiada pelo treinador Filipe Hardy, esteve em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, e voltou com duas medalhas na bagagem.  No sub-21, o atleta Gabriel Hardy, (-60 kg) foi vice-campeão da categoria e Lucas Hardy (+76 kg) ficou com o bronze. Com isso, os dois se classificam automaticamente para o Panamericano. No sub-14, o atleta Eduardo Santos (-55 kg) terminou a competição em quinto lugar.

 

Canoagem Velocidade

Em Ibarra, no Equador, o canoísta Paulo Salomão terminou a prova de 500 metros de canoagem velocidade garantiu o terceiro lugar.  No mês de maio, o atleta havia participado do Campeonato Brasileiro de Canoagem Oceânica Itajaí (SC).

 

Rugby em cadeira de rodas

As duas equipes de Brasília que participaram da Copa Caixa Interclubes, em Curitiba, voltaram confiantes para o Campeonato Brasileiro que será realizado no segundo semestre deste ano. A equipe que treina no COP do Gama, o BSB Quad Rugby, terminou o torneio, válido pela série A, na sexta posição. Já a equipe Cetefe Lobos, que competiu pela série B da modalidade, não conseguiu nenhuma vitória. “Nós ganhamos muito em aprendizado. Apesar das derrotas, o time conseguiu dois prêmios individuais: o de Melhor 2.0/2.5 para o atleta Wesclei, mais conhecido como Macarrão, e o de Atleta Revelação para Adalto Lima”, conta o treinador Paulo Higino, do Cetefe Lobo.

 

Patinação artística

Já o quarteto que teve as representantes do Compete Brasília, Manoela Cabral Pinto e Bruna Neri, terminou o torneio Sul-americano de Joinville na quinta posição. E as jovens saíram felizes com o resultado. “Elas gostaram muito da experiência de participar de um torneio internacional. Foi uma ótima experiência”, conta Ametista Rocha, mãe da Bruna.

 

ESCALADA e PARACLIMB

Luciano Frazão – único representante do paraclimb (escalada paralímpica) em Brasília – conseguiu a medalha de ouro no Campeonato Brasileiro de Boulder, realizado em Curitiba (PR). Ele é o primeiro do ranking nacional na classe A1 (amputado inferior), já Rodrigo César foi desclassificado na semifinal da escalada e terminou na 13ª posição.

 

NATAÇÃO PARALÍMPICA

Uma turma de atletas paralímpicos esteve em São Paulo, pelo Compete Brasília, para o Open Brasil Loterias Caixa e voltou com bons resultados. Na classe 11, Wendell Belarmino conseguiu índice para o Parapanamericano em Lima e o Mundial em Londres. Ele conquistou o quarto lugar nos 50m livre, o segundo lugar nos 100m peito, primeiro lugar na final A multiclasses (quebrando o recorde brasileiro na prova) e o primeiro lugar nos 200m medley. Elcio Cunga ficou com o terceiro lugar na prova de 400m livre e o oitavo nos 100m livre.

Na classe S10, Fabrício Amorim, com a sétima posição nos 50m livre, arrematou índice para o Campeonato Brasileiro. “Foi muito bom porque estou começando na natação por agora. Baixei o tempo e garanti vaga para o Brasileiro”, avalia. Na S10, Claudio Irineu ficou com o terceiro lugar nos 200m medley e quinto nos 100 costas. Já na S14, Gabriel Barradas ganhou a medalha de bronze nos 100m costas e o quarto e o quinto lugar, respectivamente, nos 100m livre e 200m livre. Por fim, Lucas Nicolas, da classe S13, conseguiu duas medalhas de prata: nos 100m peito e nos 200m medley.

 

TÊNIS DE MESA PARALÍMPICA

Andrea Lopes da Costa, Valéria Schmidt e Fabiula da Silva Pinto participaram da Copa das Federações de Tênis de Mesa – Etapa Ceará, em Fortaleza. O evento contabilizou pontos para o ranking paralímpico nacional. Andrea conquistou o primeiro lugar e Fabiula ficou em com a medalha de prata.