Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/06/19 às 17h21 - Atualizado em 4/06/19 às 11h02

Corrida de Reis deve arrecadar 85 toneladas de mantimentos neste ano

COMPARTILHAR

Os participantes da 49ª edição da Corrida de Reis, que ocorrerá em 9 de junho, precisam, obrigatoriamente, entregar 5 kg de alimentos não-perecíveis na retirada dos kits. O Banco de Alimentos de Brasília, com base na Centrais de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa-DF), se responsabilizará por toda arrecadação e distribuição do montante. Neste ano, a finalidade é arrecadar 85 toneladas, já que são 16 mil corredores inscritos + 1 mil participantes da Corrida Mirim.

 

Após passarem por um processo de triagem para verificar prazos de validade e integridade das embalagens, os mantimentos devem ser divididos em kits de 25 quilos cada, com produtos variados de acordo com a disponibilidade do estoque. Eles serão doados a 128 instituições cadastradas no Banco de Alimentos de Brasília, que atende hoje mais de 33 mil pessoas semanalmente.

 

Com a proposta de reduzir o desperdício de comida no ambiente da Ceasa, o Banco de Alimentos movimentou, em 2019, mais de 300 toneladas de mantimentos. O atendimento inclui creches, lar de idosos, comunidades terapêuticas, abrigos, centros de convivência e fortalecimento de vínculos, apoio sócio educativo. A instituição interessada em ser beneficiada pela iniciativa deve se cadastrar no site da Ceasa-DF.

 

Entrega de kits adulto e mirim

Os kits com camiseta, número de identificação do corredor, chip eletrônico — que cronometra o tempo e a colocação — serão entregues em 7 e 8 de junho, das 10h às 19h, nas tendas específicas do evento no Mané Garrincha. Além dos 5 kg de alimentos não–perecíveis, na retirada do kit o competidor deve conferir seus dados pessoais e se identificar com um documento com foto.