Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/09/19 às 15h34 - Atualizado em 24/09/19 às 16h55

COP de Brazlândia homenageia atletas medalhistas do parabadminton

COMPARTILHAR

São de Brazlândia o ouro, a prata e o bronze conquistados por Marcelo Conceição, Rômulo Soares e Daniele Torres, respectivamente, no parabadminton durante os  Jogos Parapanamericanos em Lima, no Peru.  O pódio é o resultado de muito treinamento desenvolvido pelos atletas no Centro Olímpico e Paralímpico de Brazlândia, uma das 12 unidades esportivas da Secretaria de Esporte e Lazer do Distrito Federal.

 

O campeão na categoria duplas masculinas e morador local, Marcelo Conceição, junto com o vice, Rômulo Soares (mesma categoria) e Daniele Torres, terceiro lugar na (individual) eram só sorrisos durante o evento que celebrou as medalhas conquistadas por eles. A edição de 2019  dos Jogos Parapan-Americanos marcou a estreia do parabadminton na competição. Um incentivo a mais para o foco nos Jogos Paralímpicos de Tóquio em 2020. 

 

Entre as autoridades presentes, destaque para gerente geral dos Centros Olímpicos e Paralímpicos do DF, Paulo Dubois que comemorou com os atletas campeões, ao lado de Claudia Dionice e Letisson Samarone, ambos treinadores técnicos de Marcelo, Rômulo e Dani.

 

Oportunidade ímpar para estudantes – Conhecer de perto os medalhistas do Parapan foi uma oportunidade incrível para o estudante do Centro de Ensino Fundamental (CEF 03), Gabriel Victor Areia Pimenta, 11. “Perguntei a eles como é a rotina, se é muito difícil. Eles disseram, que não é tão difícil e que tudo é questão de adaptação”, disse o aluno.

 

O jovem pratica natação e karatê do COP Brazlândia e disse que vai levar para toda a vida o conselho que o medalhista de ouro, Marcelo,  deu à garotada. “Nunca desista do seu sonho. Com persistência e dedicação dá para conquistar as coisas sim”, resumiu.