Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
15/04/19 às 15h39 - Atualizado em 17/04/19 às 11h20

Compete Brasília: Atletas do boxe conquistam ouro e prata no torneio Les Ceintures, em Paris

COMPARTILHAR

No último fim de semana, diversos atletas viajaram por meio do Compete Brasília para representar o Distrito Federal em competições em vários lugares do mundo. E na bagagem de volta, muitas medalhas. Confira os resultados: A comissão brasiliense que representou o país na 15ª edição do torneio Les Ceintures, em Paris, França, voltou para Brasília com cinco medalhas. Dos sete pugilistas filiados à Federação de Boxe do Distrito Federal e Entorno (FBDFE), Daniel Araújo (64 kg) e Roberta Melo (60kg) levaram, respectivamente, o ouro e a prata. João Kaue Campanella (69kg), João Everton Sousa (75kg) e Diorden Ribeiro (+ 91 kg) conquistaram o terceiro lugar. O evento reuniu atletas de 24 países.

 

“Se não fosse o Compete Brasília, os nossos atletas não poderiam sair para competir, já que eles não têm patrocínio. E os meninos de alto rendimento trazem bons resultados para o Distrito Federal. O programa é um divisor de águas para a carreira esportiva deles”, destaca a presidente da federação, Patrícia Colaviti.

 

Daniel Araújo, 18 anos, estreou na categoria 64 kg. Desde os 13 anos, o rapaz participa de diversos torneios de boxe. Pelo segundo ano consecutivo, ele foi o campeão do torneio. “Vou focar no Brasileiro no fim do ano para ser chamado para seleção. Quero me profissionalizar no boxe”, completa.

 

Além dos pugilistas, outros representantes do Compete Brasília também voltaram com a bagagem cheia de medalhas. A delegação de halterofilismo paralímpico colocou o Distrito Federal no pódio durante o Circuito Brasil de Atletismo, Halterofilismo e Natação Paralímpico – Regional Rio-Sul. Destaque para as atletas Maria Iracema (-45 kg) e Ana Paula (-55 kg) e Viviane Silvestre (-67) que conquistaram a prata. Já Maria Fernanda (-45 kg) ficou com o bronze.  Agora, os atletas vão se preparar para o torneio nacional da modalidade que será disputado em novembro no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo.

 

Em Lima, no Peru, o fisiculturista Rafael Almeida disputou o Mister América, evento que reuniu os melhores esportistas da América do Sul.  O brasiliense terminou as provas na quarta colocação da categoria clássica e um quinto lugar no Game Classic.

 

Já em João Pessoa, na Paraíba, a dupla formada pela brasiliense Ângela Lavalle e a cearense Carol Horta t encerrou a participação na 7ª Etapa do Open na quinta posição. Elas foram derrotas nas quartas de final por 2 a 0 pela dupla Duda e Agatha. Na próxima semana Ângela e Carol jogam o Campeonato Baiano e o Sul-americano em Salvador (BA).